Obesidade Infantil

“Gordura é Formosura” desde há muito tempo que esta frase deixou de fazer qualquer sentido, tendo hoje em dia um significado bem diferente, o de doença! Atualmente, sabe-se que a obesidade na infância é prejudicial à saúde física e mental da criança e predispõe à obesidade na idade adulta.

A obesidade está diretamente associada ao aparecimento de Diabetes tipo 2, hipertensão arterial, aumento do colesterol, puberdade precoce, problemas ortopédicos e psicológicos em crianças e adolescentes obesos. Mas se esta situação não for precocemente tratada estas crianças serão adultos obesos com risco aumentado de doenças cardiovasculares!

Obesidade Infantil

Obesidade Infantil

A obesidade pode ser multifactorial, sendo os factores ambientais, nomeadamente o comportamento alimentar e o exercício físico os que mais contribuem para o desenvolvimento da doença. A maioria das crianças come muito e mal! A sua alimentação baseia-se no excesso de açúcar (refrigerantes, bolos, doces…), gorduras saturadas (batas fritas de pacote) e sal, e pobre em fibras (poucos vegetais e fruta).

A diminuição de espaços ao ar livre apropriados para atividades desportivas, associado ao aumento da insegurança, levam a que as crianças permaneçam em casa e o aparecimento de atividades lúdicas mais sedentárias, entre os quais a televisão e os jogos de computador levam os nossos jovens a ser menos ativos, mais gordos e com menos saúde!

Obesidade Infantil

É fundamental alterar hábitos e comportamentos de forma a prevenir e tratar a obesidade infantil. Uma alimentação equilibrada deve associar-se a uma prática regular de exercício físico na escola e nos tempos livres. O sucesso da adesão e permanência em programas de atividade física aumenta quando estas são práticas desportivas organizadas (na escola, através de clubes desportivos, etc.) e quando existe um envolvimento ativo por parte dos pais.

Consequências da obesidade infantil:

  • Problemas osseos e articulares.
  • Dificuldades respiratórias.
  • Alterações do sono.
  • Puberdade precoce.
  • Hipertensão, colesterol e problemas cardiovasculares.
  • Distúrbios hepáticos.
  • Desânimo, cansaço, depressão.
  • Baixa auto-estima, isolamento e discriminação.
  • Transtornos que levam à bulimia e anorexia nervosa.
  • Problemas cutâneos.
  • Ocorrência de diabetes.

Segundo especialistas, a obesidade quando se manifesta na infância e persiste na adolescência, e não tratada a tempo, provavelmente se arrastará até a idade adulta.

MEXA-SE PELA SUA SAÚDE E, PRINCIPALMENTE, PELA DOS SEUS FILHOS, UM DIA ELES VÃO-LHE AGRADECER!

Dicas para emagrecer, clique aqui.

Bons Treinos

Obesidade Infantil

Obesidade Infantil
4.6 (92.14%) 28 votos

3 Comentários

  1. Pedro Lopes || colocado em 27 Janeiro, 2015 ás 11:17

    Sem duvidas, muito bom!

  2. Rute Neves || colocado em 27 Janeiro, 2015 ás 11:22

    Problema muito bem descrito! Parabéns!

  3. Pingback: Quais são as gorduras saudaveis? - Portal de Tratamento Natural

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *