Creatina - tomar antes ou depois de treinar? 2

Creatina – tomar antes ou depois de treinar?

A creatina é uma mistura de aminoácidos produzidos pelo pâncreas, fígado e rins. Não é um esteróide e conseguimos encontrá-lo naturalmente em peixe e carne vermelha, embora em menores quantidades do que aquelas que estão presentes em comprimidos ou batidos que podemos comprar em lojas especializadas.

Este é um dos suplementos mais usados pelos atletas no mundo do desporto. De proveniência natural, é utilizada para melhorar o desempenho físico, aumentar a massa muscular e prevenir o aparecimento de lesões.

Muitas pessoas acreditam que a creatina é insegura e que provoca inúmeros efeitos secundários, mas de fato é um dos suplementos, mais ensaiados cientificamente e tem um enorme padrão de segurança.

Sabia que a creatina é uma substância que se consegue naturalmente nas nossas células musculares?

Ajuda os músculos a gerar energia quando executamos exercícios mais pesados ou quando praticamos exercícios de alta intensidade.

Diversos elementos podem influenciar as reservas de creatina, entre eles a ingestão de carne, o exercício, a quantidade de massa muscular e os níveis de hormonas especificas no nosso corpo.

Quais os diversos benefícios ao tomar suplemento de creatina:

  • Melhora o stock de fosfocreatina, o que proporciona uma maior produção de energia durante o exercício;
  • Potencia o desempenho dos exercícios de alta intensidade em relação a resistência à fadiga e resistência muscular, recuperação, a força, desempenho cerebral e capacidade de sprint;
  • Proporciona o rápido crescimento do músculo através da criação de novas fibras musculares pelo crescimento dos níveis de IGF-1 (hormona de crescimento) e pelo aumento da quantidade de água nos músculos que estimula o aumento do seu volume;
  • Retarda ou reduz a progressão de doenças de natureza neurológica (estudos realizados somente em animais);
  • Reduz os níveis de açúcar no sangue pois estimula a função do GLUT4 (molécula responsável pelo transporte de glucose do sangue para os músculos) e, desse modo, limita o risco de desenvolvimento de diabetes;
  • Reduz o cansaço e fadiga.

Mais informação em 20Bet.

Creatina - tomar antes ou depois de treinar? 3

Recuperação muscular mais rápida

Quando começa a ingerir esta suplementação, a recuperação muscular também ocorre mais rapidamente.

Não é à toa que a sua utilização como recurso para aumentar a massa muscular tem sido largamente difundido entre praticantes de musculação e até de fisiculturismo.

Mas é justamente por tudo isto que é sempre aconselhável que a creatina seja prescrita por um profissional.

Tomá-la por iniciativa própria pode trazer prejuízos para a saúde e até para a performance desportiva.

Perda de massa relacionada à idade

A creatina ainda pode ser eficiente para aumentar a quantidade de massa muscular de pessoas idosas, que geralmente apresentam redução de músculos pelo envelhecimento, desde que pratiquem alguma atividade física de resistência.

creatina

Para quem é indicado o suplemento de creatina?

Então porque necessitamos de suplemento de creatina já que essa substância é produzida pelo nosso corpo e pode ser encontrada em alimentos?

A função dos suplementos alimentares é complementar a dieta e fornecer nutrientes que podem estar em deficit no organismo ou que não podem ser consumidos em grandes quantidades numa dieta.

Relativamente à creatina, o nosso corpo gera uma quantidade limitada, aproximadamente 1g por dia e outro 1g é ingerido pela alimentação.

Por conseguinte, o suplemento é um grande aliado para quem necessita de maiores quantidades de creatina no corpo, como praticantes de musculação ou atletas que exigem um grande esforço e uma rápida recuperação dos músculos.

Abaixo algumas das perguntas que mais suscitam dúvidas quando o assunto é o consumo de creatina, e, quase todas, mitos, sem nenhuma confirmação científica.

  • A creatina engorda?
  • O que é que a creatina pode causar no organismo?
  • A creatina aumenta a vontade de urinar?
  • A creatina causa diarreia, espinhas ou pedra nos rins?

A única certeza sobre os efeitos colaterais da creatina é que, se não for consumida de forma moderada e sobre orientação profissional, da mesma forma como todos os demais suplementos, pode provocar alguns danos para o organismo.

No caso deste suplemento, mais concretamente nos rins e no fígado. Quem consome creatina, deve ter em atenção ao consumo diário adequado de água. O uso da creatina com um baixo consumo de líquidos pode sobrecarregar os rins.

A creatina não possui calorias e, por essa razão, não engorda. O que pode ocorrer é um acréscimo de peso, massa magra, em resultado do crescimento de músculos.

Votos: 9 | Pontuação: 4.3

No votes so far! Be the first to rate this post.

Partilhar este artigo
  • 1
    Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *